A história do batom vermelho – campanha #MeuVermelho de Natura Aquarela

Se você é como eu aficionada por batons vermelhos, então vai amar essa campanha da Natura Aquarela. A campanha #MEUVERMELHO celebra os diferentes tipos de batom vermelho e o desafio é encontrar o seu batom vermelho perfeito. Eu não poderia deixar de participar dessa campanha e já elegi os meus favoritos da marca.naturaaquarelaMarcos Costa, maquiador oficial da marca – que eu tive a honra de conhecer em 2015, aproveita para contar a história por trás da cor de batom mais vendida da maquiagem.

“O batom surgiu há cerca de cinco mil anos no Egito, jóias e insetos eram utilizados como matérias-primas para as mulheres pintarem os lábios. Diferentemente do que se pensa, a precursora do corante não foi Cleópatra, mas Nefertiti, mulher do faraó Akhenaton. A popularidade veio mesmo durante o reinado de Elizabeth I, na Inglaterra do século 16. Depois da primeira Guerra Mundial, durante os anos 1920, as donas de casa encontraram no batom uma saída para expressar a feminilidade tão engessada por conta dos anos difíceis. Justamente no pós-Primeira Guerra foi criado o batom conhecido como ferrão de abelha, por ser um vermelho bastante intenso e desde então, não saiu mais de moda.
Nos anos 30, o item ganhou a forma sólida que conhecemos hoje. Com as atrizes nos filmes de Hollywood, o acessório conheceu o auge de sucesso durante os anos 40 e 50, quando as mulheres não se permitiam aparecer sem maquiagem. Durante a década seguinte, ficou um pouco apagado com a disseminação das *candy colors*, mas voltou nos anos 70. Era a época do olho preto e da boca vermelha acompanhados de terninho ao estilo *Yves Saint Laurent*. Já nos anos 80, houve uma explosão de cores na maquiagem e, a partir dos 90, o minimalismo ganhou as passarelas e ruas, quando a maquiagem ficou mais equilibrada e suave.  A partir do ano 2000, a moda ficou mais democrática, com muita mistura e o vermelho já aparece com força total.”

MeuvermelhoNatura

#MeuVermelho = Vinho 1 + Vermelho 2 Natura Aquarela

#meuvermelhoE vamos combinar, a gente sabe que o batom vermelho não vai sair de moda nuncaaaaaaa! É clássico e ponto final. Vai me dizer que você aí não se sente mais poderosa com um batonzão cor de carmim? Agora, vamos as minhas escolhas! Como eu gosto de brincar com as cores e não sou nada convencional fiz o #MeuVermelho misturando duas cores de dois batons da Natura Aquarela. Vermelho 2 + Vinho 1 renderam essa cor mais viva e para deixar o efeito mais mate apliquei uma camada fina de pó translúcido. Na imagem ilustração o Vinho 1 parece bem escuro, mas na verdade é mais claro. Gostaram da combinação? Quero saber qual é o batom vermelho da Natura que vocês mais amam, não esqueçam de postar nas suas redes sociais a foto com a tag #MeuVermelho e me marca que eu vou adorar ver a sua foto!

Um super beijo5 beijinhos

Aproveita para me seguir nas redes sociais, todos os dias posto dicas de beleza por lá.Os links de todas elas estão no topo do blog.  E não deixa de se inscrever no blog, assim você recebe todos os posts por email e não perde nenhuma novidade. Deixa aqui a sua sugestão de post ou o seu comentário que vai me deixar bem feliz!

Curta e compartilhe!

2 Comments on A história do batom vermelho – campanha #MeuVermelho de Natura Aquarela

  1. Joana Vilma
    junho 20, 2016 at 4:25 pm (4 anos ago)

    Nossa, nunca havia pensado dessa maneira. Muito bom mesmo! Parabéns

    Responder
    • Tô Linda by Lívia Parente
      junho 25, 2016 at 11:25 pm (4 anos ago)

      Obg pelo carinho flor. Beijos

      Responder

Leave a Reply

Siga e compartilhe o Tô Linda!